Seguidores

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Plena...





De sua janela podia observar uma noite intensa e
silenciosa e sonhar...
Na escuridão total, seu olhar buscou a vastidão
intocada  para observar a beleza de uma  colcha
estrelada, vista por todos os continentes...
Mas que aos seus olhos encantados de poesia 
iam além da beleza que se impunha...
Voe o imaginário e descubra a beleza!
Que encontre sempre a poesia e o Amor em tudo
que tocar com  seu olhar ...

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Imaginário atrevido






Imaginário  atrevido
Que fazes comigo
Viajo no tempo de amar
Sorrio ao vento
Acaricio o mar
Vou colorindo as ondas
Como doces beijos  de prata
Elevo meu olhar
abraço  nuvens  cor de rosas
brinco  com a lua vaidosa
roubo  seu colar de estrelas
e ponho a me enfeitar
quem sabe o meu sol, assim
a de se apaixonar
Ah...imaginário   atrevido
Te quero sempre assim
Atrevido como eu
Sempre com amor
Sonhar...
Sem medo de
Me machucar

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Uma lágrima em tua face!


O silencio toma conta de minha alma, enxugo  tua lágrima,
E ouço ao longe um campanário batendo  compassadamente
Nem um sussurro...
Tudo é silencio, a lua minguante alumia serena e fraca
Nuvens pardas e com nódoas escuras esconde a lua vez ou outra
E tudo fica mais silencioso ainda.
 O vento sopra do sul e eu pareço ouvir
Gemidos dolorosos, fantásticos, em meio a minha melancolia.
O amor a muito tempo mergulhou em meu coração e elevou- se a alma.
Quando falamos de amor, de amor verdadeiro, real, sabemos que é eterno
É para todo o sempre.  Sabemos também que por amor enfrentamos
Todo tipo de provação e nem sempre o amor nos traz apenas um amontoado de alegria
E contentamento. Êle...por vezes ,nos exige paciência, tolerância e até a renuncia.
Aprendemos que nem sempre os caminhos se cruzam como gostaríamos, mas nem assim
o amor deixa de existir, ele é eterno, fica guardadinho, como uma jóia, um
tesouro em um cofre precioso, chamado coração.  Aguardando o milagre da realização.
Felizmente, nós humanos somos criação tomadas de esperança, de carinho, capazes
de sentimentos nobres e conseguimos amar em diversas formas e categorias.
Amor  fraterno, amor maternal, paternal, e amor amigo, amor  companheiro.
A vida as vezes nos impõe a seguir caminhos novos,  sentimentos
 mais tênues , mas nunca esquecer um grande e verdadeiro amor.
O amor de verdade sempre nutrirá a esperança, o sonho
da realização completa.
Nada nessa vida ,nesse mundo é definitivo, nem a prosperidade
nem o infortúnio, pois “quando  o coração pede a felicidade exige.”
Hoje sou essa lágrima sofrida,
Penosa, amanhã poderei ser  o teu sorriso de felicidade.
Te amo.....meu amor!!!

domingo, 10 de janeiro de 2016

Observando a magia da natureza!




Melancólica observa o sol transpondo o topo das serras, devagarinho segue para as regiões.
Das sombras, e o frescor da noite já posso sentir debruçado no campo verde.
Vejo uma flor se abrir recolhendo em seu cálice o orvalho da noite, refrescando se.
A flor suave embala-se no estremecer da brisa, sinto o perfume da natureza me invadir por inteiro.
  Um pássaro mistura com o perfume do campo um hino que soa leve aos meus ouvidos atentos. Um pequeno canário surge cantando e saltitando levando em seu bico ligeiro, uma sementinha loura da grama.  Minha alma poeta deita aqui o curso da inspiração. Vejo a lua cheia grimpando se sobre o horizonte espalhando sua claridade, infiltrando em mim, apaixonada, sensações de recordações, amor e saudade.
Pálidas estrelas dão a essa noite um não sei o que de mistério, sinto que as horas passaram depressa e que uma fresca aragem sopra nos ares denunciando que o anjo da aurora...
está prestes a percorrer os caminhos do céu.
 A natureza bela, o céu sereno, nítido, azul, é a aurora da primavera, flores se abrindo, pássaros cantando, sacudindo suas asas, a feiticeira alvorada encantando a madrugada...
Já é dia...

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Aos meus amigos...um convite especial!!!!!

Chega um dia em que deixamos de sonhar, por uns momentos, ...mas apenas para ver um de nossos sonhos realizados e no momento vejo meu Céu da Felicidade ganhando vida e saindo do virtual para tornar se palpável,folheado,degustado e fazer parte de um espaço em seus corações e de sua biblioteca, Venham participar comigo deste momento único, indescritível que é ver minhas inspirações, pedaços de minha alma tomando forma ,vida. Estou muito feliz, e desejo dividir com todos vocês que admiram, amam e sentem, como eu , a poesia fazendo parte de seus momentos de amor e alegria. Espero vocês com muito carinho segunda feira dia 7 de dezembro no Centro Integrado de Cultura , CIC, as 19 horas onde juntos vamos comemorar a realização deste sonho.

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

VERTIGENS DE ALEGRIAS ( reeditando)


Ser feliz é possuir asas de gaivotas
e ter alegrias de andorinhas...
ser simples e ainda assim...
construir castelos na cabeça nos poucos
momentos em que o silencio me rodeia
Crio na cabeça paraísos mágicos
minha alma voa como um pássaro
que foge da gaiola
Meu pensamento dança como uma borboleta
descuidada e me embalo numa
teia dourada de aspirações
Olho o mar tão liso,e o céu todo azul,
tal qual a consciência dos anjos.
Encontro pelo caminho,músicas
suspirosas e perfumes flutuantes
o divino poema da primavera.
Pela manhã e ao por do sol
um sabiá canta oculto nessa
confusão de folhagens e de perfumes.
Borboletas cortejam os lírios silvestres
mais felizes que nossas almas
mais calmos que nossos pensamentos
Minha alma se abre úmida pelo orvalho
da esperança como uma flor, a todas
as aspirações do amor e felicidade
tenho vertigens de alegrias e quisera voar
como fazem os pássaros sacudindo
as asas no clarão do sol do amor.
E assim acordo do sonho,olho pela janela
e retempero meus pensamentos
na cheirosa ondulação de baunilhas
e jasmins
que me vem do jardim
Ah...se estivesses aqui,
o tempo todo,ao meu lado,
seríamos os únicos habitantes deste paraíso
e sonhos povoariam nossas cabeças
e nossos corações...idênticos...